Notícias   



Vazamento perto de captação de água deixa Barbacena em situação de emergência

Aumentar o texto: A- | A+
Problema ocorre em tubulação de combustível às margens da BR-040. Prefeitura nega que o produto tenha atingido o curso d'água, e decretou situação de emergência por conta do risco

O prefeito de Barbacena, no Campo das Vertentes, decretou situação de emergência após a descoberta de um vazamento de combustível próximo a uma captação de água do município que pode comprometer o abastecimento. Segundo a prefeitura e a Polícia Militar (PM), o incidente já está sendo investigado, mas ainda não há informações sobre as causas.

O vazamento foi detectado nessa quarta-feira, 21, mesma data da publicação do decreto. No texto, o prefeito Luís Álvaro Abrantes Campos informa que o problema ocorre no km 704 da BR-040, a 50 metros do Pinheiro Grosso, curso d'água usado na captação que corresponde a, aproximadamente, 19% do abastecimento de Barbacena.

Ele também considera que, caso a água seja contaminada, seu tratamento e uso para a população pode ficar inviável. O prefeito também afirma que a infiltração do combustível no solo perto do Pinheiro Grosso pode afetar o lençol freático, agravando a contaminação da água e comprometendo o abastecimento.

A partir do decreto, “fica autorizado o Serviço de Água e Saneamento – SAS, Autarquia Municipal, até a realização do processo licitatório a contratar ou adquirir, em caráter emergencial, bens e serviços que sejam estritamente necessários para restabelecer e proporcionar o abastecimento normal de água nos locais afetados do Município, pelos motivos acima expostos, pelo prazo de até 90 (noventa) dias, contados da publicação do presente Decreto (...)”. Entre os serviços autorizados estão a construção de reservatórios, poços e aquisitação de materiais para recuperar e otimizar unidades de distribuição de água.

Segundo informações da 13ª Companhia da Polícia Militar de Meio Ambiente de Barbacena, que foi notificada ontem pela prefeitura sobre o vazamento, o produto, semelhante a óleo, está saindo de uma tubulação às margens da rodovia. Policiais estão no local hoje. A Petrobras e o posto de combustível que fica a 500 metros do local alegam que a tubulação não pertence a eles. Os órgãos de meio-ambiente já foram acionados.

Ainda segundo a PM, há informações de que a captação estaria suspensa após a prefeitura ter detectado resquícios de combustível na água. No entanto, a prefeitura de Barbacena nega que isso tenha ocorrido e afirma que a captação é realizada normalmente. “O curso d'água não foi atingido e todas as medidas cabíveis estão sendo tomadas. A captação não está comprometida, os reservatórios estão abastecidos em suas capacidades máximas e a medida visa sanar o problema o mais rápido possível”, informou o Executivo municipal, por meio de nota.

“Os órgãos competentes foram acionados imediatamente após a detecção do problema: Petrobrás, Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Polícia Ambiental e a perícia da Polícia Civil que, em uma força-tarefa, estão realizando acompanhamento intensivo no local”, explica a prefeitura. “A Polícia está investigando a causa e a origem do combustível e o acesso ao local encontra-se restrito aos profissionais envolvidos”, finaliza a prefeitura.

Leia mais em:

 » Galeria de Fotos
 


Fonte: www.em.com.br  

 » Notícias Relacionadas

  12-01-2018 Seca leva 16 municípios do RN a colapso no abastecimento de água.
  08-01-2018 Copasa quer fazer chover no Norte de Minas: entenda como.
  04-01-2018 Água Branca firma convênio com a FUNASA para abastecimento de água.
  04-01-2018 Lagoa do Barro do Piauí é beneficiada com perfuração de Poços Tubulares.
  26-12-2017 Calor e escassez de chuva afetam abastecimento de água em cidades da Região da Campanha do RS.
  13-12-2017 Convênio Com A Cohidro Garante Perfuração De Três Poços Em Maruim.

 

Parceiros


Publicidade